POESIA: O Cortejo.


Cabisbaixos.
Silenciosos.
Seguem todos em um cortejo.

Duas famílias.
A do pai e a da mãe.
Unidas pelo primogênito acidentado,
pelo encontro de um luto.

Silenciosos.
Cabisbaixos.
Duas famílias, um cortejo.

Comentários

  1. Que lindo! Você arrasa!

    Também gostaria de aproveitar a oportunidade e convidar você para conhecer o meu blog: http://vaiumspoilerai.blogspot.com.br/ PS. Não esqueça de seguir e comentar!

    ResponderExcluir
  2. Adorei sua poesia, bem profunda.
    Li mais algumas mas essa em especial chamou-me a atenção.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita e pelo comentário, Suelane!

      Excluir

Postar um comentário

Caro leitor(a), seu comentário é importante por aqui. Diga-me suas opiniões ou impressões sobre a postagem que acabou de ler que as lerei com carinho.

Obrigado desde já!
Volte sempre!